Aprenda a cultivar e cuidar da Kalanchoe, a flor da fortuna

19/03/2021

A Kalanchoe, a Flor da Fortuna, é uma plantinha que tem um aspecto delicado e um tamanho pequeno, sendo uma ótima opção para a criação de jardinzinhos para quem tem pouco espaço em casa. Para ajudar você a cultivar essa linda florzinha, a Giuliana Flores preparou algumas dicas, confira!

Kalanchoe, a flor da fortuna

A Kalanchoe Blossfeldiana, também conhecida como flor da fortuna, é uma planta da família das suculentas. Ela é perfeita para simbolizar desejos de felicidade e prosperidade para quem é presenteado com ela.

Com origem na África, ela tem como principais características as folhas pequenas e ser resistente a altas temperaturas e períodos de seca, o que é comum naquela região do planeta. Isso faz da flor da fortuna uma plantinha fácil de cuidar em casa.

Conheça o significado as cores da flor da fortuna

Assim como a maioria das plantas, a Kalanchoe, a flor da fortuna, conta com uma grande variedade de cores de suas folhas e cada uma delas têm um significado diferente. Conheça:

  • Flor da fortuna amarela: expressa sentimentos como alegria, descontração e otimismo;
  • Flor da fortuna vermelha: ideal para demonstrar amor, paixão e coragem;
  • Flor da fortuna rosa: perfeita para simbolizar romantismo, ternura e fantasia;
  • Flor da fortuna branca: recomendada para espantar energias negativas, pois é a cor da paz.

Saiba como cultivar a sua Kalanchoe

 

flor da fortuna rosa

Flor da fortuna pode ser cultivada em vasos ou jardins

 

1.Escolha o lugar ideal

Por ser uma planta acostumada a altas temperaturas, na hora de escolher o local onde sua plantinha de flor da fortuna vai ficar, dê preferência a locais onde bata luz direta do sol. As melhores opções são jardins abertos, varandas e janelas.

2. Preparação do solo

O solo ideal para a sua flor da fortuna tem que ser drenável, pois o acúmulo de água faz mal para ela. Por isso, na hora de fazer a preparação do solo faça uma mistura de areia de rio lavada e terra, na medida de 2 para 1. Use pedrisco no fundo da cova para facilitar o escoamento da água.

Para quem for fazer o plantio em vasinhos, prefira sempre aqueles que tiverem furos na base. Assim você evita o acúmulo de água no solo. Uma outra maneira de preservar a saúde de sua Kalanchoe, é forrar o fundo do vaso com bolinhas de argila expandida para facilitar a drenagem.

3. Cuidados com a rega

Por ser uma flor acostumada com períodos de seca, a flor da fortuna não necessita de uma rega frequente. Faça a rega do solo sempre que perceber que ele está seco, evitando deixá-lo encharcado.

Importante: Nunca molhe as flores e folhas, pois elas podem ficar murchas e apodrecerem.

4. Período de adubação

Para garantir uma vida saudável para a sua flor da fortuna, o recomendado é fazer a adubação do solo a cada 3 meses.  De preferência para adubo orgânico que use como base a mistura de esterco bovino, casca de ovo, farinha e ossos. Assim você garante que a sua plantinha viva por mais tempo.

5. Mudas e replantio da flor da flor da fortuna

Para você que está querendo aumentar o seu jardinzinho com outras flores da fortuna, o mais indicado é aproveitar as plantas adultas para fazer mudinhas e plantá-las em outro vasinho. E acredite, é super simples de fazer.

Corte os galhos das flores adultas em um tamanho entre 5 e 8 centímetros, isso já é suficiente. Retire as folhas presas do galho, deixando apenas duas. Em seguida, enrole as estacas em papel toalha e as deixe secar por 2 dias na sombra.

Após a secagem dos raminhos, basta preparar a mistura do substrato do solo, deixá-lo bem úmido e fazer o replantio, seja direto no jardim ou em vasinhos. Não se esqueça de deixar a sua muda de flor de fortuna na sombra por um período de 20 dias, tempo que ela demora para enraizar. Fácil, não é mesmo?

Curtiu nossas dicas sobre cultivo de flor da fortuna? Confira mais sobre jardinagem no Blog da Giu!

Quer começar um jardinzinho em casa? Confira a coleção de flores plantadas da Giuliana Flores e reserve já a sua!

 

Compartilhe este artigo

Deixe um comentário

  • (não será publicado)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>