Camélia – Saiba Tudo Sobre a Flor da Fidelidade

7/11/2016

Também conhecida como a Flor da Fidelidade, a camélia conquista por sua beleza exótica, simétrica e encantadora. Ela dá um toque muito especial ao jardim e também é muito utilizada em decorações de festas, como casamentos e batizados. Saiba tudo sobre a flor camélia no post de hoje e conheça mais uma formosura da natureza.

imagem de: pixabay.com

imagem de: pixabay.com

Origem da Flor Camélia

tudo-sobre-flor-camelia

imagem de: pixabay.com

A camélia, cientificamente conhecida como Camellia L. é uma planta que pertence à família Theaceae. O gênero conta com aproximadamente 80 espécies originárias do Sudeste Asiático, pode ser encontrada em diversas cores e algumas flores podem atingir o tamanho da palma da mão de um adulto, já outras não ultrapassam o tamanho de uma moeda. Espécies como: C. japonica, C. sasanqua e C. chysantha são bastante populares e possuem um agradável e suave aroma.

Plantação e Cuidados

camelia

imagem de: pixaby.com

A camélia é uma flor de fácil cultivo, porém, é preciso estar atento ao clima em que ela é disposta, já que é frágil a altas temperaturas ou temperaturas muito agressivas. Ela resiste bem a locais frescos e frios, e por isso, ao escolher o espaço em que ela será plantada, é preciso observar bastante as condições de cada local. De acordo com as condições do tempo, a melhor época de floração é entre o outono e o inverno.

Cultivo e Adubação

O melhor clima para a floração é o ameno. A camélia pode ser cultivada à meia-sombra, desde que receba luz solar direta em alguns momentos do dia. Nos primeiros meses, as regas devem ser frequentes, depois podem ser espaçadas para evitar que o solo encharque. Para estimular a floração, você pode acrescentar uma mistura de farinha de osso com torta de mamona, encontrada facilmente em lojas de jardinagem.

Podas de Limpezas e Floração

Recomenda-se que a poda seja feita após o término da floração. Aproveite também para fazer a limpeza da planta, a camélia costuma ficar coberta de flores mortas, por isso, retire todos os resíduos para deixá-la limpa.

Pragas e Doenças

A camélia é uma flor bem rústica e resistente, mas é possível que em condições adversas ela seja atacada por pragas (pulgões, cochonilhas e formigas). O excesso de água também pode deixar a flor doente. Por isso, a poda e a rega adequada são essenciais para a saúde da planta. Para evitar pragas e doenças, recomenda-se borrifar nos brotos atacados uma mistura de água com folhas de arruda fervidas .

Decoração

As camélias também podem ser utilizadas em decorações, tanto como enfeites de mesa ou até mesmo como arranjos e buquês. Vale a pena usar a imaginação para adequar os enfeites de acordo com o estilo de decoração de cada local. Uma coisa é certa: a camélia é uma flor realmente linda que vale a pena ter dentro ou fora de casa.

Você gostou de conhecer um pouco mais sobre a flor camélia? Na Giuliana Flores você encontra diversos tipos de flores para deixar a decoração do seu ambiente favorito muito mais especial! Deseja presentear com flores? Encontre na Giuliana Flores diversos presentes de acordo com cada ocasião!

Você também vai gostar de:

  1. Copo-de-Leite – Conheça mais sobre esta Linda Flor
  2. Confira Dicas de Conservação para Diferentes Arranjos de Flores

 

 

 

Compartilhe este artigo

3 Comentários para “Camélia – Saiba Tudo Sobre a Flor da Fidelidade”

  1. Clair Rosa da Silva

    Gostei, só faltou a resposta do que queria.saber, qual a época em que fica com flores.

    Responder
    • Clair, acredito que não tenha lido a matéria por completo, ou leu com pressa. Como dito no texto. A doirada ocorre entre o OUTONO e o INVERNO….. Abcs

      Responder
  2. Uau camélias são flores maravilhosas!

    Elas ficam ainda mais lindas quando o crescimento é feito em vasos e controlado, assim como o uso da poda para faze-lâ florescer mais.

    Parabéns pelo artigo!

    Responder

Deixe um comentário

  • (não será publicado)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>