Cultivo de Orquídeas em Apartamentos — Tudo que Você Precisa Saber!

4/09/2019

Cada vez mais pessoas tem aderido ao cultivo de orquídeas em apartamentos devido a elegância, beleza e charme dessa espécie, características que ornam perfeitamente com diferentes estilos de decoração. Mas, para garantir que a flor cresça saudável e bela, é necessário seguir alguns cuidados quanto a iluminação, umidade, ventilação e adubação.

Para entender tudo sobre o cultivo das orquídeas nesse tipo de ambiente não natural, confira o artigo que preparamos para você!

Cultivo de Orquídeas em Apartamentos — Tudo que Você Precisa Saber!

Decoração de sala com orquídeas

Como funciona o cultivo de orquídeas em apartamentos?

Embora haja diversas espécies de orquídeas, a grande maioria são epífitas, ou seja, crescem apoiadas em outras plantas. Entretanto, simular essa condição em um ambiente doméstico é bastante trabalhoso, por isso, a melhor alternativa é cultivá-las em vasos.

Nesse caso, para o cultivo de orquídeas em apartamentos, você deve seguir as seguintes recomendações:

  • preferir vasos de barro;
  • evitar plantar a espécie diretamente na terra;
  • utilizar canela em pó após a poda para contribuir com a cicatrização da planta e evitar pragas;
  • não arrancar flores murchas, mas sim esperar que murchem e caiam naturalmente para não ocasionar problemas com fungos e bactérias;
  • oferecer as condições adequadas de iluminação, umidade, ventilação e adubação;

A seguir, saiba como proporcionar o ambiente ideal para a sua orquídea:

Iluminação

Para o cultivo de orquídeas em apartamentos, é imprescindível proporcionar iluminação adequada para a espécie. O ideal é colocá-las próximas às janelas ou em sacadas e áreas de serviço, onde podem ter contato direto com a luz do sol.

Para determinar se a quantidade de luz está sendo suficiente a dica é reparar na coloração das pétalas e folhas, pois quando muito escuras é sinal de que a planta necessita de mais luz.

Adubação

Já para adubação, pode ser utilizado adubo químico NPK com macro e micro-nutrientes ou abudo orgânico de pó de osso.

Ventilação

A ventilação é muito importante para as orquídeas, mas para que o cultivo seja saudável é necessário controlar a quantidade de vento que entra em contato com a planta, principalmente em andares mais altos. Nesse caso, a melhor opção é contar com janelas para moderar a ventilação do local.

Umidade

A umidade é uma das principais dificuldades no cultivo de orquídeas em apartamentos, pois ambientes internos tendem a ser muito secos para a espécie, o que interfere em sua saúde e beleza.

Algumas opções para amenizar esse problema são os umidificadores de ar ou tanques de água próximos a flor. Outra alternativa são as bandejas  de umidade com lâminas de água, ideais para você apoiar os vasos de flores. Mas, se recorrer a essa medida, não deixe de usar cascalhos ou argila no recipiente para que o fundo do vaso não fique em contato direto com a água.

Seguindo essas dicas de cuidados, você conseguirá prolongar a vida e a beleza da sua orquídea por muito mais tempo.

Agora que já sabe como cuidar da espécie, aproveite para conferir as nossas opções de orquídeas raras no site da Giuliana Flores e comece a cultivá-las em seu lar agora mesmo. Além de ser uma ótima alternativa para decorar ambientes, manter a proximidade com a natureza contribui para a saúde, bem-estar e relaxamento.

Você também vai gostar de:

1. Como Cuidar de Orquídeas — 10 Dicas e Curiosidades
2. Saiba o Que Significa Presentear Alguém com Orquídeas
3. Confira o Significado das Orquídeas de Acordo com sua Cor

Compartilhe este artigo

Deixe um comentário

  • (não será publicado)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>